A vida de Tiago

Tiago descia pela avenida do Funchal, com um gorro preto, calças esfiapadas, um casaco largo e sapatos muito grandes para os seus pés, isto tudo para dizer que Tiago era apenas mais um dos muitos dos sem-abrigos que se vê na cidade do Funchal. Tiago vinha pálido, com o rosto muito enrugado, cabelo extremamente oleoso, pele fina e muito magro. Tiago vê um grupo de jovens e tenta socializar com eles, tentando sensibilizar os jovens com a história da sua vida. Nenhum dos jovens lhe deu atenção, antes pelo contrário, os jovens apenas troçam dele. Tiago, muito aborrecido com a situação, deixa cair lágrimas, que correm pelo seu rosto. Tentava socializar, ser simpático e divertido, mas apenas era rejeitado pelas pessoas.

Noutro dia, Tiago depara-se com um dos jovens do outro dia, surpreendido, Tiago diz:

– Então, rapaz, vens gozar comigo outra vez?

O rapaz comovido responde-lhe:

– Não, meu senhor, apenas venho dizer-lhe que fiquei comovido com a sua história de vida. E, por outro lado, quero dizer-lhe que sou de uma família bem constituída financeiramente e contei a sua história ao meu pai e ele quer ajudá-lo, oferecendo casa e emprego!

Tiago, lavado em lágrimas, agradece com muita alegria e satisfação.

Cristiano Pereira (11º52)

Docente| Carla Martins

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s